domingo, março 26, 2006

Não faço questão

No meio do ato, de repente, ela gritou:

- Vai, Erick!

Não faço muita questão que fale meu nome certo, mas desta vez resolvi corrigi-la.

- Licença, mas meu nome não é Erick
- Eu sei, Amando, é porque Erick é o nome do meu marido. E eu amo tanto ele.
- Ah ok. Posso chamá-la de Fernanda?
- Está louco? Não quero fazer amor com um homem que está pensando em outra.

Mulher de princípios.

2 comentários:

Anônimo disse...

Looks nice! Awesome content. Good job guys.
»

Anônimo disse...

I find some information here.